R J Cardoso

Poesia de Amor

Textos


A fauna

Era uma vez uma palhada
Inhambu, Juriti e tico-tico faziam a festa
Com a sobra da colheita,
A maritaca, o periquito
E um corvo esquisito
Ali sobrevoavam ao entardecer
O lavrador que não sabia o que era o amor
Armava a arapuca, prendia
A Juriti e a pomba trucalha
Ressabiado recolhia os pombos e saía varado.
Em pouco instante as aves eram posta na panela
Fritadas e consumidas
Por quem da fauna e da flora
Nada havia aprendido
Nos confins do meu Brasil
De bandeira azul – branca – verde - amarela
.
R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 20/01/2018


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras